sábado, 28 de abril de 2012

Só 8 anos depois...

É vergonhoso, eu uma fã de carteirinha de Friends, admitir que, só agora, 8 anos depois da série ter terminado, eu assisti ao fim.
Isso porque, desculpas a parte, a série terminou em 2004, ano que fui morar sozinha em Armazém e sem tv a cabo. Logo... fuen fuen fuen... 
Sempre assistia uns episódios perdidos e aleatórios quando ia para Criciúmã, até que resolvi colecionar os dvds da série. (E depois de eu ter chegado na 4a temporada, lançaram um box lindo com todas as temporadas ¬¬).
Quando mudei para Sampa, eu e Marcelo começamos tudo desde a primeira temporada. Até que, chegamos ao The End. E, para mim, o capítulo mais triste foi "Aquele da Festa de Despedida da Rachel". Chandler se despedindo foi o mais fofo!
Aí, com o finalmente fim de Friends na mira, e, com os lançamentos semestrais de séries pelos canais fechados, resolvi investir em três: (Todas de meninhas, para destoar um pouco de House, Grey's Anatomy, Private Practice, CSI, e... *.* Bones!)


New Girl - Fox, Quartas, às 22:30h

Zooey é Jess (Jessica Day), que é meio esquisita, uma professora que foi traída por seu namorado e, aí, sai a procura um novo lugar para morar.
E acaba com os novos rommies: Nick (um barman que também passa por um recente término de namoro), Schmidt (o que se acha ~o conquistador~) e Winston (ex-jogador de basquete).

Inhaí?

Para começar, a série é estrelada por Zooey Deschanel. E, admito que, desde Bones *.*, tenho uma queda de 39439574 metros pelas irmãs Deschanel!
Status de envolvimento: Amei o primeiro episódio. Ainda continuo gostando e assistindo, mas, tem horas que as patetices da Jess, me deixam fula da vida. hehehe


Once Upon a Time - Sony, Quintas, às 21h

A série tem como trama principal a história de Branca de Neve e o Príncipe Encantado, separados pela Rainha Má, que no dia do casamento dos dois, lança um feitiço que acabará com todos os finais felizes dos personagens de contos de fadas. óóó
Branca de Neve procura Rumpelstiltskin, que confirma o resultado do feitiço da Rainha Má, mas, revela que a filha da Branca de Neve, aos 28 anos, voltará para resgatá-los e iniciar a batalha contra a Rainha.
Simultaneamente, a série traz a história de outros personagens, Chapeuzinho Vermelho, Sete Anões, Pinóquio...

Inhaí?

Ah! Contos de fadas!!! *.*
Status de envolvimento: amando loucamente. Love total.
Antes das exibições começarem, na época dos comerciais, eu já estava indicando! Foi só para dois amigos, ok, mas, eles baixaram (opa! opa!) e estão viciados!!

Smash - Universal, Quartas, às 23h

Um grupo de atores que se reúnem para produzir um musical sobre Marilyn Monroe. Juntos com a criação, ensaios... eles devem resolver suas vidas pessoais.

Inhaí?

Adoro as cenas musicais.
Status de envolvimento: Um caso de amor e ódio. Pelas duas candidatas a Marilyn. Ok, na verdade, pela Karen. Mas, não vou ficar xoxando a menina antes de vocês assistirem... rsrsrs
E tem Debra Messing, #amoreterno desde Will & Grace, logo... *.*.
O problema foi que eu criei um expectativa gigantesca (odeio quando faço isso) enquanto passavam os comerciais de estréia. Em New Girl foi ao contrário!
Agora, meio que virou um seriado que assisto quando ~não acho nada melhor para ver~. Mas, vai rolar uma maratona, na Universal, e, acho que vou assistir só para tirar a cisma, porque estou insistindo desde o primeiro episódio. Aí, vicio ou desencano de vez.

Aliás, todas essas séries vão ter dias de maratona. Se você ficou com vontade...

*Postagem original do Sereias Afogadas

sexta-feira, 13 de abril de 2012

La Hira Rechazada! (Mexicanismo Mode On)

Só porque eu fui no salão hoje, (primeira vez depois do corte), e foi aquele blablabla fuefo para saber como eu estava me adaptando/gostando, lembrei dessa peculiar fábula.

Meu novo look, para quem não viu ainda http://lebrocolis.blogspot.com.br/p/o-brocolis-voador.html ! =P

Então, mês passado, fui passar uma semaninha na casa dos meus pais. E, já tinha cortado o cabelo, mas, resolvi fazer surpresa a respeito do novo look. Até, pensei em fazer um leve terrorismo com um "tenho uma surpresa para vocês!" uns dias antes, mas, a gente fica ansioso com isso e nunca pensa em coisa boa. Logo, deixei passar...

Aí, de aviones até Floripa e busão até Criciúmãããã!

Eis, que chego na rodô e já avisto meus pais me esperando. (Com aquele olhar "Onde ela está?"). Desci do ônibus, deu um tchauzinho e fui pegar minha mala. Meu pai respondeu com um tchauzinho muito tímido, braço colado ao corpo, leve aceno... (daqueles que a gente faz quando não tem certeza que foi para gente, sabe qual é?), e minha mãe continuou a busca com o olhar.
Finalmente, peguei a mala e fui abraçá-los, beijá-los, mais abraços, mais beijos, sim, gostaram/ficaram surpresos do/com cabelo blablabla!

Logo, descobri o contexto do tchauzinho envergonhado:

Cena: Meus pais olhando para o ônibus, a minha procura:
Pai: - Olha ali! É ela!
Mãe: (enfática, esperando avistar um rabo de cavalo) - Não é ela!
Pai: - Não é? (duvidoso) Acho que é!
Eu descendo do ônibus, acenando e meu pai retribuindo timidamente.
Mamãe: - Pára! Você está dando tchau para uma estranha!
Minha mãe, finalmente, me reconhecendo na fila para pegar malas.
Mãe: - Oh meu Deus! Não reconheci minha própria filha! (Faltou a mãozinha na testa para o mexicanismo ficar completo!)

Foi hilária a cena! Deviam ter filmado.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

A Paz Mundial & O Pequeno Príncipe...



Apresentador - Qual o seu maior sonho?
Candidata - A paz mundial.
Apresentador - Qual seu livro de cabeceira?
Candidata - O Pequeno Príncipe.


Reconhecem essas respostas? Clássicas de muitas misses, até que... viraram chacota mundial. 
Bem, sonhar com a paz mundial era sinal de doação, desprendimento, bondade, blablabla...
Mas, e O Pequeno Príncipe? Por que ele foi o eleito?

"O Pequeno Príncipe" - Antoine de Saint-Exupéry

Romance de maior sucesso de Saint-Exupéry. O terceiro livro mais vendido no mundo. Traduzido para mais de 220 línguas e dialetos.
Um livro infantil? Aparentemente.
Eu li quando criança, adolescente e a última vez, há alguns dias. Tem algo de poético e filosófico que resgata aquele mistério da infância. 
Um livro que pode ser entendido por crianças e adultos. Achei muito interesse perceber como as figuras que aparecem no livro mudam de significado, dependendo da idade/maturidade de quem lê. 



" Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas."

Personagens carregados de simbolismos. E cada um, que o príncipe encontra em seu caminho, mostra  quanto é possível nos preocuparmos com coisas inúteis e deixarmos de lado aquilo que realmente tem valor. Esse é o convite do Pequeno Príncipe: olhar com atenção tudo o que nos rodeia, que, aparentes ou escondidos são presentes. E todos esses presentes nos revelam segredos.
Saint-Exupéry percebia os adultos como pessoas incapazes de entender o sentido da vida, pois, haviam deixado de ser a criança que um dia foram. Entendia que é difícil para os adultos, esses seres estranhos,  compreender toda a sabedoria de uma criança.


" Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível para os olhos."

É uma obra que traz valores, sentimentos e relacionamentos universais: amizade e amor. Que ensina como, por vezes, julgamos errado quem ou o que está ao nosso redor e como essas avaliações podem nos levar à solidão. 
O livro mostra como nos tornamos adultos, acomodados, e, que, muitas vezes, nossas preocupações diárias e banais fazem com que esqueçamos a criança que fomos, com sonhos e questionamentos. 
O Pequeno Príncipe empolga a todos com seus ensinamentos inesquecíveis. (Vide cartões comemorativos e livros de auto-ajuda!). A sua história marca pela forma simples de suas mensagens otimistas, simples e de amor.

" Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós."

Não é um livro extenso. É sim, um bom livro de cabeceira. Daqueles que lemos e relemos várias vezes. Aquele em que Antoine de Saint-Exupéry tenta resgatar a criança que existe em cada um de nós, com encanto e beleza. O nosso reencontro adulto-criança.

"Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que fez tua rosa tão importante."


*Postagem original de Sereias Afogadas.